"Oh! Como teria gostado de passar meio dia ajoelhado a teus pés, com a cabeça sobre teus joelhos, contando-te meus pensamentos com lassitude, com arrebatamento, as vezes sem dizer nada, mas pressionando meus lábios contra teu vestido!...Oh, minha muito amada Eva, dia dos meus dias, luz das minhas noites, minha esperança, minha adorada, minha absoluta amada, meu único amor, quando poderei ver-te? Será uma ilusão? Será que te vi? Sim, deuses! Como amo teu sotaque, apenas um pouco carregado, tua boca gentil, voluptuosa - se me permites dize-lo meu anjo de amor. Trabalhando noite e dia para poder passar duas semanas contigo em dezembro. Devo cruzar sobre Jura coberto de neve, mas estarei pensando nos ombros alvos do meu amor, da minha amada. Ah! Aspirar o aroma dos teus cabelos, segurar tuas mãos, apertar-te em meus braços - eh dai que vem minha coragem! Alguns dos meus amigos aqui estão abismados com a imensa forca de vontade que estou revelando neste momento. Ah! Eles não conhecem minha querida, aquela cuja imagem priva o sofrimento de seus tormentos. Um beijo, meu anjo terrestre, um beijo saboreado lentamente e, depois, boa noite!"

(Honoré de Balzac para a Condessa Ewelina Hanska)

Pitty - Só Agora

-


video

Baby
Tanto a aprender
Meu colo alimenta a você e a mim
Deixa eu mimar você, adorar você
Agora, só agora
Por que um dia eu sei
Vou ter que deixá-lo ir!

Sabe, serei seu lar se quiser
Sem pressa, do jeito que tem que ser
Que mais posso fazer?
Só te olhar dormir
Agora, só agora
Correndo pelo campo
Antes de deixá-lo ir!

Muda a estação
Necessário e são
Você a florecer
Calmamente, lindamente...

Mesmo quando eu não mais estiver
Lembre que me ouviu dizer
O quanto me importei e o que eu senti
Agora, só agora
Talvez você perceba
Que eu nunca vou deixá-lo ir!
Que eu nunca vou deixá-lo ir!
Eu não vou deixá-lo ir!


-


-


Mais tarde, comecei a pensar sobre relacionamentos.

Existem aqueles que levam a um mundo novo e exótico...

E aqueles que não são novidade...

Aqueles que trazem um monte de perguntas...

E aqueles que a levam a um lugar inesperado.

Aqueles que a levam longe do lugar onde você começou...

E aqueles que a trazem de volta.

Mas a mais empolgante, desafiadora e significativa das relações é aquela que você tem consigo mesmo.

Se encontrar alguém que ame você e que você ama...


Isto é fabuloso.


-


Carrie Bradshaw


-

Amor e perseguição

-


-

Temos a mania de achar que amor é algo que se busca. Buscamos o amor nos bares, na internet, nas paradas de ônibus. Como num jogo de esconde-esconde, procuramos pelo amor que está oculto dentro das boates, nas salas de aula, nas platéias dos teatros. Ele certamente está por ali, você quase pode sentir seu cheiro, precisa apenas descobri-lo e agarrá-lo o mais rápido possível, pois só o amor constrói, só o amor salva, só o amor traz felicidade.


Há quem acredite que o amor é medicamento. Pelo contrário. Se você está deprimido, histérico ou ansioso demais, o amor não se aproxima, e caso o faça, vai frustrar sua expectativa, porque o amor quer ser recebido com saúde e leveza, ele não suporta a idéia de ser ingerido de quatro em quatro horas, como um antibiótico para combater as bactérias da solidão e da falta de auto-estima. Você já ouviu muitas vezes alguém dizer: "Quando eu menos esperava, quando eu havia desistido de procurar, o amor apareceu." Claro, o amor não é bobo, quer ser bem tratado, por isso escolhe as pessoas que, antes de tudo, tratam bem de si mesmas.


O Amor, ao contrário do que se pensa, não tem de vir antes de tudo. Antes de estabilizar a carreira profissional, antes de fazer amigos, de viajar pelo mundo, de curtir a vida. Ele não é uma garantia de que, a partir de seu surgimento, tudo o mais dará certo. Queremos o amor como pré-requisito para o sucesso nos outros setores, quando, na verdade, o amor espera primeiro você ser feliz para só então surgir, sem máscara e sem fantasia. É esta a condição.


É pegar ou largar.


Para quem acha que isso é chantagem, arrisco-me a sair em defesa do amor: ser feliz é uma exigência razoável, e não é tarefa tão complicada. Felizes são aqueles que aprendem a administrar seus conflitos, que aceitam suas oscilações de humor, que dão o melhor de si e não se autoflagelam por causa dos erros que cometem.


Felicidade é serenidade.


Não tem nada a ver com piscinas, carros e muito menos com príncipes encantados. O amor é o prêmio para quem relaxa.


"As pessoas ficam procurando o amor como solução para todos os seus problemas quando, na realidade, o amor é a recompensa por você ter resolvido os seus problemas".


-


Martha Medeiros



-
-


-





Obrigada por abrir as portas da sua casa a mim. E mais do que isso: escancarar-me as portas, as janelas e todas as frestas da sua alma. E mais ainda: convidar-me a entrar nos seus cantos mais escuros, onde estão a dúvida e o medo, as feridas cicatrizadas ou em dolorosa carne viva.


Obrigada por compartilhar comigo seu tempo e seu espaço; seu lugar, sua gente; seu prato, sua cama, seu sono, seu corpo; enfim, sua vida.


Obrigada por acolher-me em seus braços e por deixar ser abraçado pelos meus. Por sorrir sinceramente, e por calar-se triste -- duma tristeza entregue, somente permitida e oferecida a quem se ama.


Obrigada pela certeza do seu amor. Um amor do seu jeito, do nosso -- sem amarras, rótulos, prescrições, pré-determinações. O amor único que nos cabe, aquele que respeita a mim e às suas verdades.


Obrigada por amar-me assim, com suavidade, pacificamente; e por permitir que nos amemos, em alguns momentos, também com a agressividade do desejo. Obrigada, sobretudo, por me amar com..




Liberdade

-

Débora Souza.

10/08/2009

-